Índice de inovação da Innoscience é constuído por empras consideras inovadoras.

Desempenho das empresas inovadoras em outubro

Por

Rafaela Sanzi

dia de de

No mês de outubro o 3i, indicador que mede o desempenho da carteira de empresas mais inovadoras, apresentou queda de 0,03% em relação ao mês de setembro. Já o Ibovespa teve um crescimento de 1,80%, maior crescimento desde abril deste ano. O 3i não perdia em desempenho para o Ibovespa desde junho deste ano.

As empresas que se destacaram dentre as inovadoras no mês de outubro são a Braskem (27,68%) e a Marcopolo (20,57%). Cabe salientar que a Brasken pelo terceiro mês figura entre as primeiras do ranking de maior crescimento da carteira 3i. Por outro lado, as empresas que tiveram maiores quedas em suas ações foram a Brasil Foods (-14,86%) e a Karsten (-9,68%).

Se analisarmos o acumulado de 12 meses, tanto o 3i quanto o iBovespa tiveram queda no valor de suas ações. O 3i acumulou 19,6% de queda e o iBovespa 16,0% de queda.

Em uma perspectiva histórica maior, analisando os dois índices desde 2009, o 3i ainda apresenta vasta vantagem sobre o Ibovespa. De janeiro de 2009 a outubro de 2015, as empresas que compõem o 3i tiveram crescimento em suas ações de 141,11% enquanto a média de valorização das empresas que compõem o iBovespa no mesmo período foi de 22,15%.

3i_outubro_2015

A Innoscience mede mensalmente o desempenho das ações das empresas consideras mais inovadoras, comparando com o índice da Bovespa. Para ver o desempenho do 3i nos meses anteriores, clique aqui. Para saber mais sobre o 3i, acesse o Relatório Anual de 2014.